quinta-feira, 3 de Março de 2011

Estudar em Espanha



Como as médias são altas em Portugal, muitos alunos portugueses optam por ir estudar em Espanha, uma vez que as médias neste país são mais baixas. Contudo, têm que se mentalizar que existem bastantes passos a realizar, muita papelada a tratar e muitos obstáculos a ultrapassar.
Alguns comentários de alunos que entraram em Medicina em Espanha:
“Concorri este ano, 2010/2011, a quase todas as universidades públicas de Espanha e consegui entrar em Santiago de Compostela! Entrei a 3ª tentativa e nunca pensei em desistir. Força! Ainda tenho todo este processo muito claro, acreditem que é bem complicado... Mas quando conseguimos entrar, esquecemos tudo, porque vale a pena lutar pelo nosso sonho!!!” 

As informações para ingressar no ano lectivo 2011/2012 ainda não saíram, contudo pensamos que não irá mudar de um ano para o outro por isso, deixamos aqui os passos necessários a cumprir para ingressar no curso de medicina em Espanha.
1)     Começar a aprender Espanhol, pois algumas das universidades pedem prova de competência linguística.

2)     Pedir a equivalência de estudos secundários portugueses ao “título de bachiller” espanhol, obrigatório para candidatura às universidades em Espanha:
Solicitar na escola os seguintes documentos
extracto de classificações original de aluno do 10º, 11º e 12º anos de escolaridade, em que estejam discriminadas individualmente todas as disciplinas e notas, devidamente assinado e carimbado;
diploma/certidão de habilitações original de conclusão do ensino secundário, devidamente assinada e carimbada;
- documento/extracto original comprovativo de pagamento da taxa de equivalência, emitido a nome do aluno, carimbado e assinado pela entidade bancária (anexamos instruções de pagamento);
- bilhete de identidade/passaporte

Para posterior apresentação pessoal, nos locais abaixo identificados, a efeitos de formalizar o pedido de equivalência de estudos, sendo-lhe entregue no momento um “Volante” (comprovativo do mencionado pedido). Uma vez revisadas as mencionadas certidões originais e respectivas fotocopias, A FORNECER PELO ALUNO, serão devolvidos os originais.
Os alunos que se encontram matriculados no 12º ano de escolaridade devem iniciar o processo do pedido de equivalência com o extracto de classificações do aluno com as classificações do 10º e 11º anos. Uma vez finalizado o 12º ano e realizadas as provas nacionais apresentarão novo extracto de classificações e uma certidão de conclusão do ensino secundário, a fim de completar o processo de equivalência de estudos.

- LISBOA:
Conselhería de Educação da Embaixada de Espanha em Portugal
Avenida da Liberdade, nº 40 Cave – Lisboa.
Horario de Atendimento pessoalTerças, Quartas e Sextas-feiras das 12,00 às 13,30 horas.

ou bem

- PORTO:
Assessoría Técnica de Educação
Rua Fernandes Tomás, 424-7.º Sala 4 – Porto
3)       Candidatura às universidades espanholas
Os estudantes procedentes de sistemas educativos de Estados membros da União Europeia ou de outros Estados com os quais Espanha tenha subscrito acordos internacionais aplicáveis a este respeito, em regime de reciprocidade, poderão aceder às Universidades Espanholas sempre que cumpram os requisitos académicos exigidos nos seus sistemas educativos para aceder às suas Universidades (Acesso Directo U.E.).

Existem duas vias de acesso exclusiva:
3.1)    Acesso União Europeia
Esta via de acesso à Universidade permite ao estudante português apresentar a sua candidatura com a classificação que obteve para o Ensino Superior em Portugal. Para seguir esta via é necessário:
- Preparar a prova de Língua Espanhola que as Universidades podem exigir aos alunos que acedam por esta via. Com este fim, o IEL abre as portas dos seus Cursos de Espanhol Regulares (http://www.institutoespanhol.pt/index.php?area=6)para todos aqueles que desejem seguir esta via de acesso.
- Deverão solicitar a UNED (http://www.uned.es/accesoUE) a credencial que reconhece e converte a classificação obtida no acesso à Universidade do seu sistema educativo de origem, equivalente a fase geral das Provas de Acesso à Universidade (PAU). No ano passado, o período para pedir a "credencial" foi entre Maio e Junho.
- Preparar a fase específica da PAU (Prova de Acesso à Universidade) (http://portal.uned.es/portal/page?_pageid=93,674429&_dad=portal&_schema=PORTAL). A inscrição nestes exames do ano 2010 foi de 15 de Março a 30 de Abril. Esta opção é interessante para quem pretende ingressar numa licenciatura com muita concorrência, pois é possível desta forma elevar a nota de admissão na universidade e ter assim mais possibilidades de acesso aos estudos escolhidos.
- Fazer a pré-inscrição nas Universidades que lhe interessam, sem limite de número. Normalmente, a época de pré-inscrição começa em finais de Maio e vai até finais de Junho. Este processo é realizado através da internet. A título meramente orientativo, e de forma a disponibilizar informações que podem ser do teu interesse, disponibilizamos uma lista dos Sites de Pré-inscrição nas Universidades Públicas Espanholas no ano 2009/2010 (por Distrito / Universidade): http://www.institutoespanhol.pt/index.php?area=18&conteudo_id=116

3.2)  Selectividad
Esta via de acesso permite ao estudante português apresentar a sua candidatura com a classificação obtida no sistema designado "Selectividad". Este sistema é semelhante ao dos Exames Nacionais e integra as notas obtidas no ensino secundário e os resultados das provas efectuadas nas diferentes matérias/disciplinas. Podem realizar no máximo quatro exames específicos, contudo na nota de admissão só irão contar as duas melhores notas. É importante salientar que estes exames serão realizados em castelhano. No curso de medicina, as disciplinas que valem mais são, obviamente, Biologia, Química e Física. Existem duas fases de exames, Junho e Setembro (no ano de 2010) e são feitos em Lisboa. Os resultados serão enviados para as vossas casas mais ou menos duas semanas depois; importante referir que o papel das notas que receberão será necessário para a “preinscripción”. 
Consultem estes sites:





Sites muito importantes:

Pois é neste site que poderão solicitar a credencial, inscrever-vos nos exames da fase específica. Para além disto, também tem muita informação sobre as diferentes universidades.

Exemplificando, a nota de admissão é calculada da seguinte maneira:
Nota de admissão = (0.6NMB + 0.4CFG) + aM1 + bM2
                         ____________________
                                            *

Para Portugal:
* Nota da Credencial
NMB = Nota Média Secundário
CFG = Classificação da fase geral
M1, M2 = As duas melhores classificações das disciplinas superadas na fase específica.
a, b = coeficientes de ponderação das disciplinas da fase específica (estabelecidos por cada Universidade).
Podem consultar nestes sites os conteúdos dos exames:
Física:
Nota: Consultem bem estes sites pois os conteúdos são um pouco diferentes dos programas portugueses, em química há matéria do 12ºano e em biologia há coisas que só se dá na faculdade, em cadeiras como bioquímica e biologia celular e molecular.
“Acho que são bastantes acessíveis, com perguntas objectivas. Mas aconselho a ver as coisas com muita atenção”, aluna que ingresso em Espanha
Para seguir esta via é necessário:
- Preparar as provas, anteriormente referidas;
Comentário de uma aluna que ingresso em Espanha: “Para a realização dos exames, convém que haja algum conhecimento de espanhol, o estudo, o enunciado e a realização são em espanhol e de certeza que nos descontam os erros”.
- Solicitar, na UNED, a inscrição nas "Pruebas de Selectividad". Este processo de inscrição habitualmente decorre a partir do mês de Abril. Estas provas têm características específicas (programa, datas, legislação, condições, etc.).
- Fazer a pré-inscrição nas Universidades que lhe interessam, sem limite de número. Normalmente, a época de pré-inscrição começa em finais de Maio e vai até finais de Junho, contudo têm que ter em atenção que cada universidade tem o seu processo e respectivos prazos, os quais deverão consultar. Este processo é realizado através da internet e depois é preciso enviar fotocópias “compulsadas” (autenticadas) do BI ou CC, da credencial e das notas dos exames (“tarjeta de selectividad”) para as universidades. Existem universidades onde toda esta documentação é enviada pela internet, há ainda outras em que se imprime um formulário no site, preenche-se e envia-se tudo para a universidade. Têm que ter o cuidado e a preocupação de ir consultando os sites e contactar directamente as universidades que vos interessam para não faltar nada.

Universidades
As universidades que se encontram mais perto de Portugal localizam-se em Sevilha, Badajoz, Salamanca e Santiago. Contudo existem muitas outras universidades em Málaga, Madrid, Barcelona, entre outros. Neste site: http://www.institutoespanhol.pt/index.php?area=18&conteudo_id=48, poderão encontrar todas as universidades de Espanha.
ATENÇÃO: Deverão estar muito atentos à informação de cada universidade, pois esta pode mudar de ano para ano. Algumas universidades podem exigir provas específicas para o acesso a determinados cursos ou centros universitários, que pelas suas especiais características venham a requerê-las. Para esse efeito, as Universidades poderão estabelecer provas de competência linguística (como é o caso das universidades andaluzas, de Castilla-León, de Oviedo e da Extremadura) ou implementar algum sistema de isenção, tendo em consideração o currículo prévio do estudante com vista a acreditar a referida competência linguística. O ano passado só as Universidades de Badajoz e Valência é que exigiram esta prova de competência linguística.
            Depois de todo o processo tratado, basta esperar pela publicação das listas e , no caso de ficarem colocados, fazer a matrícula. É importante referir que existe uma segunda e terceira lista para os alunos que ficaram em lista de espera e onde as notas são mais baixas, por isso, se não entrarem na primeira não desistem, pois há sempre pessoas que não se matriculam dentro do prazo e deixam a sua vaga livre. As datas de publicação das listas e respectiva matrícula são afixadas pelas universidades. Como as comunidades são independentes, as datas são diferentes ou podem até coincidir.
Basicamente é esta a informação mais importante para ingressar nas universidades em Espanha. Contudo, não é demais repetir, que devem consultar frequentemente os sites das diferentes faculdades, pois o processo pode ser diferente este ano.

Deixamos aqui alguns sites interessantes que podem consultar:
- EF Centros Internacionais de Idiomas (Ano académico no Estrangeiro): http://www.ef.com/aya/
http://portal.uned.es/portal/page?_pageid=93,932663&_dad=portal&_schema=PORTAL
- www.educacion.es
-www.educacion.es/portugal
- www.universidad.es  

Comentários de alunos que ingressaram em Espanha no curso de Medicina:
“Um último aviso: preparem-se para os contratempos do concurso. Mas acima de tudo, não desistam. Vai custar muito, vão sentir muitas vezes : mas para que é que me meti nisto??  Eu pessoalmente gastei, em tudo (aulas, papelada, correios, viagens para Salamanca, etc) mais de 1000€. Entrei em Salamanca e não acreditam a maravilhosa sensação que é. Nem que vão para o outro lado de Espanha, não desistam. Espanha é um país fabuloso.”

“A cidade, a faculdade, o ambiente são muito acolhedores, assim como o contacto com “nuestros hermanos!” Quanto a língua, temos a vantagem de ser muito parecida ao português e no caso de já termos alguma aprendizagem, não será nenhum problema! O curso em si é exigente, mas nada se consegue sem esforço... Como vêem, parece um bicho de sete - cabeças, mas no final compensa tudo! 
        
Resta-nos desejar-te muita coragem, força e um pouco de sorte à mistura. MAS SE É MESMO MEDICINA QUE QUERES, NÃO DESISTES E SEGUE O TEU SONHO!

36 comentários:

  1. Olá sou a Mariana, soube do vosso blog graças a uma amiga e depois de ler toda a vossa informação gostaria de saber se me conseguem dizer as médias de candidatura às universidades espanholas, no próximo ano lectivo 2011/2012 ou se me conseguem encaminhar um link com essa informação. Gostaria ainda de saber se conhecem alguém que tenha ido estudar para espanha e se era possível eu entrar em contacto com esses alunos para ter uma melhor noção do que se tem que fazer e de como está a ser a experiência. Peço que me respondam para o meu email sff! Obrigada!

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Olá, gostaría de saber informações (como e onde inscrever-me, que sites consultar, datas...) acerca do exame de competencia linguistica em espanhol que necessitamos fazer para aceder às universidades espanholas, se me puderes ajudar.

    Obrigada,
    Liliana

    ResponderEliminar
  4. Olá! O teu blog é muito esclarecedor, mas tenho algumas dúvidas que talvez me saibas tirar: Os documentos sao autênticados por quem? Qualquer notário? É necessária alguma tradução? Obrigada ;)

    ResponderEliminar
  5. Olá! Gostava de saber em que consiste a PAU, é só um exame de língua castelhana ou temos também de fazer exame com matéria de biologia, quimica, etc?
    Obrigada

    ResponderEliminar
  6. Parabéns pelo vosso trabalho e aproveito para partilhar alguns links que podem ser úteis para quem estiver interessado em candidatar-se à universidade em Espanha:

    - Site da UNED (fundamental!): www.uned.es - já estão marcadas as provas para este ano, vão ser em Junho

    - Informação sobre o processo (e aulas de espanhol): http://centroespanhol.com/acesso_universidade/vias

    - serviço de candidatura ás universidades - www.universidadesespanha.es

    E boa sorte para todos!!

    ResponderEliminar
  7. Olá...
    Gostaria de informações sobre Medicina na Espanha. SOu graduada em Enfermagem no Brasil e quero fazer medicina em uma escola Publica na Espanha. por favor entre em contato comigo.

    ResponderEliminar
  8. o vosso blog é muito esclarecedor, depois de ler toda a vossa informação gostaria de saber se me conseguem dizer as médias de candidatura às universidades espanholas ou se me conseguem encaminhar um link com essa informação. Gostaria ainda de saber se conhecem alguém que tenha ido estudar para espanha e se era possível eu entrar em contacto com esses alunos. respondam para o mail sff
    obrigado

    ResponderEliminar
  9. Olá! Podiam dizer-me quais as médias em Espanha e na República Checa, pff??

    ResponderEliminar
  10. Parabéns pelo Blog!
    Existe algum regime de acesso para o curso de medicina para portugueses com licenciatura e mestrado na área da saúde?

    ResponderEliminar
  11. Estou a estudar medicina em Espanha desde Outubro deste ano e devo dizer que está a ser excelente! Tinha umas noções muito básicas de espanhol (o suficiente para perceber as aulas e não morrer de fome), que qualquer português normal tem, acho eu. Além disso, agora com a Selectividad (para mais informação - site da UNED), temos que fazer todo o exame em espanhol (só em Badajoz se faz prova de língua, acho), por isso dois dias antes preparei Biologia e Química do Secundário espanhol (como tinha exames de Veterinária ao mesmo tempo não consegui mais) e foi nesses dias que aprofundei o meu espanhol científico. Sinceramente, não senti necessidade de pagar balúrdios por aulas, mas quem achar que o seu nível é muito muito baixo, deve fazê-lo. Toda e qualquer dúvida, o que precisarem: catarinagsoares@gmail.com

    ResponderEliminar
  12. alguem pode dizer um site ou algo parecido onde diz as medias sff :)

    ResponderEliminar
  13. a pedido de várias famílias, as médias mais actualizadas estão aqui: https://sites.google.com/site/notasdecorte/resources

    ResponderEliminar
  14. Olá! Eu sou brasileira, pretendo estudar medicina na Espanha, ainda me falta um ano e meio pra terminar os estudos, mas ja estou vendo tudo o que tem que ser feito pra poder ir estudar na la. Eu gostaria de saber se todos esses procedimentos sao válidos somente para portugueses ou também valem para brasileiros?
    Eu tenho muito interesse nisso, por favor me ajudem !
    Obrigada!

    ResponderEliminar
  15. Eu estou a mandar este email a pedido de um amigo que concorreu agora para Medicina em Espanha, para todas as regiões. Ele pensa que poderá não conseguir entrar na primeira lista que começa a ser divulgada daqui a 3 ou 4 dias.

    Queria perguntar como funcionam essas listagens. Se ele não entrar fica automaticamente em lista de espera, ou ele tem de fazer alguma coisa para se manter no processo? Não tem de enviar a documentação toda outra vez pois não?

    As universidades dão um prazo suficiente para que se ele entrar por ex numa universidade que divulgue primeiro os resultados, mas quiser esperar por alguma das ultimas, possa esperar por essa data sem perder o lugar?

    Obrigada
    Inês Ribeiro

    ResponderEliminar
  16. boa noite, a minha prima é de São Tomé e príncipe África gostaríamos tal como já aqui questionado saber como é possível efectuar candidaturas para as universidades publicas espanholas para os cidadãos não europeus agradecia vossa ajuda ou resposta se faz favor.

    ResponderEliminar
  17. Boa tarde, estou a pensar candidatar-me a medicina em espanha no próximo ano e gostava de saber quais são as médias para se entrar lá.
    Obrigado
    Filipa Costa

    ResponderEliminar
  18. Boa tarde,
    Este blog é muito interessante, mas reparei que não tem contactos de professores que preparem em Lisboa os examens da UNED de química e bilogia.
    Eu sou Engenheira Química (UPC), espanhola nativa. Estudei em Barcelona e desde há vários anos dou aulas/explicações particulares a alunos que querem entrar em Medecina na Espanha. Dou aulas de Química e Espanhol e ajudo com a Biologia. O meu contacto é: begozueras@gmail.com / 962833237, Se podessem publicar numa entrada do blog agradeceria imenso.
    Obrigada

    ResponderEliminar
  19. Boa Tarde,
    Eu estou bastante interessado em ir estudar para Espanha, mas sei que o processo é um bocado complicado. Conheço pessoas que contrataram agências que tratam de toda a burocracia, por isso queria saber se alguém conhece alguma agência que me possa dizer.
    Obrigado.

    ResponderEliminar
  20. Boa Tarde!
    Antes de mais muitos parabéns pela iniciativa de informar objectivamente as pessoas interessadas em estudar no estrangeiro, principalmente nestes casos específicos. Eu estou bastante interessada em ir estudar medicina para Espanha ou para a Républica Checa mas gostaria de saber se existe alguma possibilidade de depois de um ou dois a frequntar uma das universidades existe a possibilidade de pedir transferência para Portugal? Agradecia que me respondessem assim que possivel, obrigada.

    ResponderEliminar
  21. Boa noite!
    toda a informação está bastante esclarecedora, no entanto, não entendi como funcionam as médias em espanha, as nossas são de 0 a 20, mas as deles não, será que me pode retirar esta dúvida?
    obrigada

    ResponderEliminar
  22. Boa noite.. queria tirar uma duvida:

    para me candidatar e fazer esses exames, preciso de ter aprovadas em portugal as disciplinas: fisica/quimica? (biologia ja tenho..) ou posso candidatar-te sem ter feito os exames nacionais em portugal?

    cumprimentos

    ResponderEliminar
  23. Boa noite, estou interessada em concorrer para as universidades espanholas para o curso de medicina e gostava que alguém me dissesse de alguma agência ou instituto que me ajude a tratar do processo, de preferência na zona do Porto

    ResponderEliminar
  24. Boa tarde. Gostaria que alguém me indicasse o melhor contacto de um centro que me possa ajudar no processo de candidatura a Espanha, pois pretendo candidatar-me este ano.
    Obrigada.

    ResponderEliminar
  25. Boa noite,
    Este ano vou estudar medicina para Barcelona, assim o espero.
    Contudo estou a procura de portugueses que já o estejam a fazer. Gostava de trocar algumas ideias com estes.
    Será que alguém me pode ajudar? Ou será que alguem saiba de algum blog ou quem sabe pagina do facebook onde me possa dirigir a estudantes portugueses de medicina em barcelona?
    Muito obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde,
      Li o que escreves-te e gostava de perguntar-te se conseguis-te entrar em Barcelona ou se la os prazos de ''pre inscripción'' sao muito antes das notas de exame sairem em portugal..
      Aguardo resposta,
      Obrigada

      Eliminar
  26. Boa tarde,

    Sou uma aluna do 12º ano e estou interessada em estudar Medicina em Santiago de Compostela.

    Vou realizar o Examen de Cervantes e aguardar um ano para a minha entrada na Faculdade referida.

    Contudo, ainda não compreendi como é calculada a minha média tendo em conta este processo de entrada na Faculdade. Os exames de Biologia e Geologia e Física e Química que realizei em Portugal no ano passado contam para essa média ou apenas é incluída a média final de secundário?

    Aguardo uma resposta o mais rapidamente possível,

    Obrigado a todos!

    ResponderEliminar
  27. Olá! o exame de cervantes é uma referencia para poderes aprender espanhol, no entanto nao é pedido para poderes realizar a candidatura (pelo menos em Santiago de Compostela e algumas outras faculdades espanholas)
    sei que a nota dos exames nacionais nao tem a mesma influencia que tem em portugal.e e neste ponto que se centram as minhas dúvidas: conta apenas um dos nossos exames para a nota da credencial da UNED, mas como e feita a seleçao? o que devemos entender por fase geral nós alunos portugueses?

    ...alguém que tenha pedido a credencial me pode explicar essa parte do processo?
    obrigada :)

    ResponderEliminar
  28. Boa Noite!

    Existe algum concurso especial para licenciados em espanha, assim como fazem em portugal??

    Obrigada pela atenção,

    ResponderEliminar
  29. Boa noite,
    alguém me sabe informar as médias ou as universidades de espanha de medicina dentária?!
    se alguém souber de um link estou interessada ...
    obrigada =)

    ResponderEliminar
  30. Olá, gostaria de saber se para entrar para a universidade em espanha é necessário realizar os exames de 12º lá, ou seja, fazer lá o 12ºano.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sofia. Poderás obter respostas às tuas dúvidas em http://medicinaemespanha.blogspot.pt/

      Esse blog tem um endereço de email através do qual esclarecem qualquer questão relacionada com o tema, num período muito curto de tempo :)

      Visita-nos!

      Eliminar
  31. Olá a todos! Vejo que este blog anda um pouco desactualizado e que não responde às vossas questões com frequencia. Permitam-me a publicidade de um blog no mesmo assunto mas em actividade: http://medicinaemespanha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  32. Boa tarde
    Existe uma universidade de medicina privada em Salamanca? PAra quem já é licenciado como deve proceder?

    ResponderEliminar
  33. é preciso estar matriculado em quimica de 12º para fazer o exame de quimica em espanha?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. não, mas algumas coisas que se dão no 12º ano de quimica calham no exame de espanha. No entanto, sao coisas que se conseguem aprender sozinhos.

      Eliminar